sexta-feira, 29 de maio de 2009

Quem não sabe o que quer, comete as vezes:


Injustiça!
Fui injustiçado na noite de quarta-feira.
Acusado por alguém especial- até então, de algo que não cometí.
Frustrado, assim me sinto...
Distante de tudo que construimos...fui usado por um "ser" não-desamado!
O Acumulado de um tempo..parece ter sido dedicado
a nada.
Nunca aceitei injustiça com um semelhante,
não sei mentir, não aceito que se valham de um pretexto,
para tomar uma decisão unilateral.
Pena que as decisões advindas de quarta-feira,
não deixem dúvidas que na
próxima quarta-feira fará uma semana apenas do fato em questão e seus desdobramentos!!!
Neste momento muito infeliz apego-me...
na arrogancia víl, de quem acusa sem provas, no desvio de valores de respeito e efeto, advindos da descabida acusação-condenação, para não esmorecer, enquanto sigo minha jornada.

Concluo com um celebre escrito do melhor de todos!

PAULO FREIRE:
Inauguram o desamor, não os desamados, mas os que não amam, porque apenas se amam.


Marcelo Nalério

4 comentários:

DANIEL PEARL disse...

Marcelo, estamos visitando o teu blog. Parabéns pelo belo trabalho. Atenciosamente, Daniel Pearl - editor do BLOG DA DILMA.

Isis disse...

É verdade não podemos tolerar as injustiças sociais, mas só pudamos esta realidade com honestidade de todos não so dos politicos,empresario etc...mas tambem nos quanto povo que votamos e somos a grande maioria...vamos sim mudar esta realidade com um resgate familia,cidadania e muitos outros..mas o mais importante é ser honesto e não roubar e nem se deixar roubar

Henrique José disse...

Caro companheiro tu sabes que a gente esta ai pra que ter vier todos nos temos nossos problemas,quero de dizer podes contar comigo,se poder ser um pouco mais claro do que aconteu,pois gostaria de saber.

Mirante disse...

Meu velho, não sei do que se trata, mas conta comigo!
Abraços!